6 de fevereiro de 2012

Biodiesel produzido na UFBA deu energia ao Festival de Verão


Laboratório na Politécnica recicla resíduos de óleo
O Festival de Verão deste ano foi realizado em Salvador com a proposta de diminuir os impactos ambientais causados pelo evento. A Geradora, parceira da Bahia Eventos, organizadora do festival, utilizou biodiesel nos geradores de energia instalados no Parque de Exposições de Salvador, em ação desenvolvida com a UFBA, responsável por transformar óleo residual em Biodiesel no laboratório da Escola Politécnica.
Segundo Ângela Márcia, coordenadora do projeto ambiental do Festival de Verão, toda a energia do evento foi movida pelo combustível produzido pelos pesquisadores. “Os resíduos produzidos no parque não dão conta de toda a energia que precisamos, mas parte será do que for recolhido aqui, e parte do que já foi recolhido pela UFBA em outras partes da cidade será o suficiente”, explicou.
À frente da pesquisa, o coordenador do laboratório de energia da UFBA, Prof. Ednildo Torres, ressalta que o biodiesel produzido a partir dos resíduos da festa é mais renovável e limpo que o comercializado em postos de combustível. “Na bomba comum há o biodiesel 5%. Ou seja, cinco litros de biodiesel e 95 de óleo diesel a cada 100 litros distribuídos. O nosso apresenta 30 litros de biodiesel a cada 100. Se tem mais biodiesel, menos agressor ao meio ambiente ele é”, disse.
Segundo Ednildo Torres, essa adequação melhora as emissões atmosféricas, protege os rios e mares onde seria descartado esse óleo, além de contribuir para a pesquisa científica. Oito alunos da UFBA atuaram no Festival de Verão como monitores junto aos geradores de energia, com o objetivo de identificar melhorias a partir do uso do biodiesel como forma de energia e criar metas para os próximos eventos.

Seguidores