16 de outubro de 2010

Prefeitura de Salvador desapropria terreno da Aeronáutica

Prefeitura de Salvador desapropria terreno da Aeronáutica


13/10/2010 às 10:19

Regina Bochicchio | A TARDE

Apesar da proibição constitucional e do Decreto-lei 3.365/41, a Prefeitura de Salvador publicou decreto de utilidade pública para desapropriação de uma área da União na orla da capital. O terreno desapropriado em Ondina pertence à Aeronáutica e dará lugar a uma pista de acesso ao residencial Costa España, empreendimento de alto padrão que está sendo erguido onde funcionou o Clube Espanhol.

O Decreto nº 20.059 de 29/09/2010 cita os pontos da poligonal (área a ser desapropriada) de forma pouco específica, informando, genericamente, que o terreno seria utilizado para “plano de urbanização e de obras de abertura, conservação e melhoramento de vias ou logradouros públicos e para preservação da paisagem local (…) conforme projeto aprovado”. Mas não diz qual é o projeto.

O promotor de Meio Ambiente Sérgio Mendes informou que o Ministério Público baiano (MP-BA) investiga, preliminarmente, a regularidade do decreto e do empreendimento, executado pelo consórcio OAS/Cosbat/Gafisa/Nova Pex.

A equipe de A TARDE vem apurando a informação contida no decreto desde o último dia 1º e pediu a dois especialistas em urbanismo (que preferem o anonimato) para localizar o terreno, a partir das coordenadas contidas no documento, resultando na identificação da área em Ondina. A TARDE procurou a Aeronáutica, em Brasília, que, por meio de nota do Centro de Comunicação Social, atestou a posse da área. Segundo o órgão, o processo já se encontra na Advocacia Geral da União (AGU), no escritório local do Núcleo de Assessoramento Jurídico (NAJ-BA).

A TARDE tentou ouvir o coordenador do NAJ-BA, Manoel Oliveira Muricy, por telefone, anteontem, no órgão, sem obter retorno. Na casa dele, a esposa informou que Muricy estava “repousando e não podia atender”, ficando de retornar – o que não ocorreu até o fechamento da edição.

Doação - “O terreno foi doado à União – Comando da Aeronáutica, por meio do Termo de Acordo e Compromisso, entre a Prefeitura de Salvador e a Companhia de Comércio, Imóveis, Construções, Engenharia Civil e Aeroportuária, em 27 de abril de 1977”, informa a Aeronáutica, acrescentando que a área é registrada no 1º Ofício do Registro de Imóveis e Hipoteca e o processo de regularização está na Superintendência do Patrimônio da União, responsável por passar a posse à Aeronáutica.

A maquete do Costa España no Shopping Barra e imagens na internet para a venda dos imóveis confirmam que a área da Aeronáutica aparece como futura pista de acesso ao empreendimento.

O decreto é assinado pelo prefeito João Henrique e determina que a desapropriação fica a cargo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Meio Ambiente (Sedham). O prefeito foi procurado mas, para o secretário de Comunicação, Ipojucã Cabral, quem deve se pronunciar sobre o assunto “é a Sedham”.

Procurado pela reportagem (nos dias 6, 7 e 8), o titular da pasta, Paulo Damasceno, não atendeu às ligações feitas para o celular dele. A assessora de imprensa Ana Lúcia Andrade, procurada desde o dia 4, por e-mail, informou, no dia 8, que Damasceno estava viajando e só retornaria após o feriado. Mas adiantou que “o referido decreto foi publicado em época anterior à chegada de Paulo Damasceno à esta Sedham (…)”, e que o secretário precisa ”inteirar-se do assunto para se pronunciar”. À época, a secretaria era dirigida por Antônio Abreu, que também não foi localizado.

Em nota OAS garante legalidade - Questionada pela reportagem sobre a legalidade da utilização da área da Aeronáutica para construção de um acesso ao empreendimento, a empresa OAS, uma das empresas do consórcio responsável pelo Costa España, por meio de sua assessoria de imprensa, enviou nota de esclarecimento defendendo que age dentro da lei.

“A OAS Empreendimentos, Cosbat, Gafisa e Nova PEX informam que têm todas as licenças e autorizações para a construção do empreendimento Costa España, em Ondina. O projeto arquitetônico foi submetido à apreciação dos poderes públicos competentes e está de acordo com as exigências das leis pertinentes”, informa a nota enviada para a Redação de A TARDE na sexta-feira.

A TARDE entrou em contato, também, com a Procuradoria Geral do Município (PGM) para saber os parâmetros jurídicos que embasaram o decreto para fins de desapropriação numa área da União. Até o fechamento desta edição, a assessoria da PGM não respondeu aos questionamentos. O promotor de meio ambiente do Ministério Público baiano (MP-BA), Sérgio Mendes, que instaurou procedimento administrativo preliminar para apurar a legalidade do decreto, já teve uma primeira reunião com a Sedham, “pedindo informação e documentos”, e deu prazo (faltam dez dias) à prefeitura para enviar as respostas ao órgão.

Além da questão fundiária, o MP-BA também quer saber sobre a autorização para a construção de um prédio de oito pavimentos na orla litorânea, caso do Costa España. “Na questão da paisagem, vai impactar Salvador? Temos de ver tudo isso”, afirma o promotor Mendes. Quanto às consequências legais decorrentes do Decreto 20.059, como se trata de um terreno federal, cabe à Advocacia Geral da União informar quais serão os procedimentos adotados. A TARDE aguarda resposta do órgão sobre o caso.

* colaborou Felipe Amorim

FONTE: http://www.turmapontocom.org/blog/2010/10/13/prefeitura-de-salvador-desapropria-terreno-da-aeronautica/

http://www.atarde.com.br/cidades/noticia.jsf?id=5635179

http://www.pacienciaviva.org.br/2010/10/1735/

13 de outubro de 2010

CD GIBI E VIDEOS SOBRE TRAFICO DE ANIMAIS SILVESTRES

Este material integra o projeto Liberdade & Saúde do Ibama-PI, o qual busca promover a utilização da educação ambiental como ferramenta de combate ao tráfico de animais silvestres e prevenção de suas zoonoses.Todo o material produzido (palestras, gibi, joguinhos, cartazes, cd, vídeos...) é entregue aos professores durante os cursos.

No Piauí, o resultado tem sido muito bom. Mais de 600 professores já
participaram dos cursos e estão trabalhando o conteúdo nas escolas. Este ano, por exemplo, o tráfico de animais silvestres foi tema do V CONCURSO DE REDAÇÃO E DESENHO das escolas públicas do estado do Piauí.

Atualmente, estão produzindo o DVD Cantando por Liberdade.
http://www.youtube. com/watch? v=_CvNe4ie68Y

http://www.4shared. com/file/ QijUvhVX/ CD_Cantando_ Por_Liberdade. html

http://www.ibama. gov.br/fauna- silvestre/ wp-content/ files/gibi_ fauna.pdf

Interessados em replicar o material, enviar ofício solicitando as
matrizes para:
Superintendência do Ibama em Teresina
Romildo Macedo Mafra
Superintendente do Ibama no Piauí
Avenida Homero Castelo Branco, nº 2.240 - Jockey Club
64048-400 Teresina – PI
Tel: (86) 3233-2599
Fax: (86) 3232- 5323

Fundação Terra Mirim

Como sociedade civil organizada, a FTM já está em contato com o consórcio Bahia Norte, que irá duplicar nossas estradas. O intuito é estabelecer um diálogo saudável e justo para com as comunidades e todos que habitam nesta região do Vale do Itamboatá, Simões Filho, Bahia.
O projeto/impacto dessa nova empreitada governo/empresas privadas será apresentado aqui na FTM . Dessa forma poderemos colaborar sugerindo localizações de retornos, passarelas, radares, sugerir como os desvios das águas podem ocorrer com o menor impacto possível e também pontuar algumas reivindicações como ciclovia e outras formas do consórcio colaborar com o movimento social já existente em Simões Filho.
É a cidadania funcionando para que todos os setores se comuniquem e se beneficiem.

ENCONTRO COM A BAHIA NORTE
DIA: 14/10/2010
NORARIO: 09 horas
PAUTA: discutir sobre a duplicação da BA 093.

Maiores informações podem ser obtidas com Mhinana da Fundação Terra Mirim - 8105-8803 / 3298-1980.

12 de outubro de 2010

Educação estadual oferece 3.200 oportunidades para professores

João Mauro Uchôa | A Tarde

Serão abertas nesta sexta-feira, 15, as inscrições para o concurso que vai preencher 3.200 vagas para professores na Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC). Para participar, é necessário ter diploma de licenciatura em curso compatível com as disciplinas listadas no edital. O prazo vai até 5 de novembro. Edital e formulário de inscrições estão disponíveis no site da organizadora do concurso. A taxa custa R$ 70.

Conforme o regulamento da seleção, não será concedido nenhum tipo de isenção. Para atender os candidatos que não possuem acesso à internet foram montados postos de atendimento em Salvador e no interior do Estado. A remuneração inicial para o cargo de professor da rede estadual de ensino é R$ 858 (jornada semanal de 20 horas).

São oferecidas vagas na capital e interior para as disciplinas educação física, artes, língua portuguesa, espanhol, inglês, matemática, geografia, história, filosofia, sociologia, biologia, química e física.

Novidades - As provas não utilizarão o formato tradicional do Cespe/UnB, no qual cada item marcado indevidamente como verdadeiro ou falso faz com que o candidato perca um ponto. As questões do concurso para professor da SEC serão de múltipla escolha, com quatro alternativas.

Os exames serão aplicados no dia 30 de dezembro em Salvador, Alagoinhas, Amargosa, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Brumado, Caetité, Cruz das Almas, Eunápolis, Feira de Santana, Guanambi, Ibotirama, Ilhéus, Itaberaba, Itabuna, Itapetinga, Irecê, Jacobina, Jequié, Juazeiro, Macaúbas, Paulo Afonso, Piritiba, Ribeira do Pombal, Santo Amaro da Purificação, Santo Antônio de Jesus, Seabra, Senhor do Bonfim, Serrinha, Teixeira de Freitas, Valença e Vitória da Conquista. Todos os candidatos responderão a uma prova com questões objetivas de conhecimentos gerais e específicos e uma redação.

III Seminário Políticas Sociais e Cidadani

Mestrado em Políticas Sociais e Cidadania
Universidade Católica do Salvador
24 a 26 de novembro de 2010
O Mestrado em Políticas Sociais e Cidadania da Universidade Católica do Salvador (UCSal) realizará, de 24 a 26 de novembro de 2010, em Salvador/Ba, o III Seminário Políticas Sociais e Cidadania [Seminário Internacional], e convida a comunidade científica e especialistas em políticas sociais a participarem deste evento.

O evento dá continuidade a uma iniciativa criada em 2007 pelo Mestrado de Políticas Sociais e Cidadania da UCSal, voltada para a constituição de um espaço regular de intercâmbio e disseminação da produção acadêmica com vistas à discussão de aspectos críticos relativos à agenda social brasileira e às políticas públicas voltadas para a cidadania.

Nucleado este ano na temática Crise global e desigualdades: dilemas e desafios, o evento avança numa perspectiva internacional e comparativa, contemplando mudanças do Estado social brasileiro na interface com outros países, especialmente da América Latina. Busca discutir a implementação, gestão e avaliação de políticas sociais, e analisar a sua eficácia sobre os direitos da cidadania. Como nas edições anteriores, o evento contará com convidados de reconhecido mérito e notória contribuição crítica na temática, da comunidade nacional e internacional.

O III Seminário tem como público-alvo pesquisadores dos programas de pós-graduação da área de políticas sociais e da cidadania, tanto do corpo docente quanto discente; e agentes públicos e sociais responsáveis pela implementação de políticas sociais nas esferas governamentais e em organizações não-governamentais, particularmente aquelas relacionadas à assistência social, saúde, educação, desenvolvimento social, atenção à infância, adolescência e velhice, geração de emprego e renda, acesso à justiça e demais ações voltadas para a afirmação da cidadania.

Apoio:

FAPESB / CNPQ / IPEA / OPAS
Secretaria de Saúde - Ba
Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos - Ba
Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária - Ministério da Justiça
Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza da Bahia

XIII Semana de Mobilização Científica

• XIII Semana de Mobilização Científica - inscrições abertas para minicursos e participação geral.
• Confira a programação das Sessões de Comunicação e de Pôster da XIII SEMOC.


MAIORES INFORMAÇÕES: http://www.ucsal.br/

I Workshop sobre Ciência Animal na Bahia.

O Departamento de Ciências Agrárias e Ambientais (DCAA) da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) por intermédio de professores e alunos do Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal, estará realizando no período de 20 a 22 de outubro de 2010, o I Workshop sobre Ciência Animal na Bahia.

Este evento abrangerá 17 temas importantes relacionadas com inovações científico-tecnológicas e os desafios para a ciência animal nos trópicos, que serão abordados por renomados pesquisadores de diferentes instituições de ensino e pesquisas.

Objetiva-se promover o encontro das diversas áreas da ciência animal para oferecer a estudantes, pesquisadores, profissionais e produtores rurais, maior suporte técnico-científico, bem como uma oportunidade de atualização dos seus conhecimentos, como os avanços que vêm ocorrendo no setor.

MAIORES INFORMAÇÕES:http://www.cienciaanimaluesc.com.br/index.html

Seminário em Estudos de Impactos Ambientais – SEMEIA

O Seminário em Estudos de Impactos Ambientais – SEMEIA – trata-se de um evento de caráter técnico-científico e educativo que almeja integrar ações de ensino de graduação e de pós-graduação com atividades de extensão. Envolve na sua organização discentes e docentes de graduação dos cursos de Agronomia, Geografia, Ciências Biológicas e de pós-graduação dos cursos de Mestrado em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente da rede PRODEMA e Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente.

Promovido pela Universidade Estadual de Santa Cruz – UESC, instituição pública de ensino superior do Estado da Bahia, o SEMEIA, em sua terceira edição, busca promover o debate e a formação de pessoas com capacidade para atuarem nos estudos ambientais. O evento pretende disseminar conhecimentos que proporcionem a inclusão efetiva da variável ambiental nas ações direcionadas ao bem estar da sociedade, possibilitando uma convivência harmoniosa entre os seres humanos e as demais formas de vida que habitam o planeta Terra.

O III SEMEIA será realizado no Auditório Paulo Souto, localizado no Campus Soane Nazaré de Andrade – UESC, km 16, Rodovia Ilhéus-Itabuna. As inscrições estão abertas e serão realizadas pelo site e no local do evento, limitadas em 600 vagas.

Contamos com a presença de todos e sejam bem vindos!

MAIORES INFORMAÇÕES: http://www.semeia2010.com.br/


Uefs oferece 35 vagas - inscrição até 8 de novembro

A Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) inscreve até 8 de novembro para concurso público de provas e títulos para professor auxiliar, assistente e adjunto. São oferecidas 35 vagas em diversas áreas para os cargos permanentes do quadro de pessoal.

A inscrição deve ser feita na Coordenação de Seleção e Admissão da Pró-Reitoria de Graduação, localizada no Prédio da Reitoria, campus universitário, das 8h às 11h30 e das 14h às 17h30, ou pela internet, no portal www.uefs.br, seção Concursos e Seleções.

O concurso será realizado de 7 a 18 de dezembro de 2010 em períodos definidos pelos respectivos departamentos. Os candidatos devem acessar o edital também disponível na internet. Outras informações pelo telefone (75) 3224-8030 begin_of_the_skype_highlighting (75) 3224-8030 end_of_the_skype_highlighting.


Ascom/Uefs.

'Abordagem Multidisciplinar Sobre Urgência E Emergência'

FTC Vitória da Conquista
Eventos da unidade acadêmica de Vitória da Conquista
Data: Quinta-feira, 14 De Outubro De 2010
Duração: 3 Dias

Estudantes do sexto semestre matutino do curso de Enfermagem da FTC Conquista promovem, entre os dias 14 e 16 de outubro, o encontro Abordagem Multidisciplinar sobre Urgência e Emergência, no auditório do Cemae. A ideia é proporcionar aos diversos profissionais da área de saúde uma troca de conhecimentos e experiências.

O evento ainda busca a atualização profissional dos participantes e o contato com as novidades do mercado de equipamentos e serviços. "Também é necessário apresentar aos futuros profissionais de Saúde, o papel desempenhado por cada um deles nas áreas de urgência e emergência", explica a coordenadora do curso de Enfermagem, professora Adriana Amaral.

Para cada tema a ser discutido no encontro, a organização convidou profissionais das diferentes áreas. Confira a programação:

14.10 - quinta-feira


Tema: Urgência e Emergência Cardiorrespiratória

18h - Credenciamento e entrega de material

19h - Abertura

19h - Palestra: Rafaella Brito Arêas Souza, farmacêutica.

20h - Palestrante: Rita Pithon, fisioterapeuta.

21h - Sorteio de brindes

21h10 - Palestrante: Cláudia Franco Guimarães, enfermeira.

22h - Palestrante: a definir

22h40 - Encerramento / Coffee Break

15/10/2010 - SEXTA-FEIRA

Tema: Urgência e Emergência em Traumatismo

18h - Recepção do público

19h - Palestrante: Fhelício Sampaio Viana, fisioterapeuta.

19h50 - Palestrante: Caline Oliveira, enfermeira.

20h40 - Palestrante: a definir

21h20 - Sorteio de brindes

21h30 - Palestrante: a definir

22h10 - Encerramento / coffee Break

16/10/2010 - SÁBADO

Tema: Urgência e Emergência em Queimadura

08h - Palestrante: Angélica, psicóloga.

08h50 - Palestrante: Elane Patrícia Fernandes Costa, enfermeira.

09h40 - Palestrante: Roberta, nutricionista.

10h20 - coffee Break

10h40 - Palestrante: Dr. Felipe Magalhães, cirurgião-plástico.

11h30 - Palestrante: Danyo Maia Lima, farmacêutico.

13h00 - Entrega de certificados



Projeto da FTC Feira tem apoio da Odebrecht


20101008_fsa01.jpgDepois de apoiar todo o processo de estruturação do projeto do sabão ecológico, desenvolvido pelos cursos de Medicina Veterinária e Enfermagem da FTC Feira, a empresa Odebrecth agora quer realizar uma oficina de confecção do sabão. Para tanto, já formalizou a solicitação à FTC e à UFBA, que também participa do projeto por meio do curso de Zootecnia. A oficina será realizada durante o evento "Pólo Cidadania", que acontecerá no município de Camaçari, em novembro.

"É um evento interessante para divulgação do projeto e dos cursos", considera o professor Gustavo Brandão, coordenador interino do curso de Medicina Veterinária da FTC. De acordo com o professor, o projeto de transformação do óleo utilizado em frituras em sabão para uso doméstico vem sendo aprimorado e a tendência é de expansão. Ele frisa que, além da questão ambiental, pois evita jogar óleo na pia da cozinha, provocando entupimento nas tubulações, é também econômico, substituindo o detergente para lavar louças. Não por acaso tem atraído a atenção de algumas empresas, interessadas em conhecer de perto o processo de fabricação.

20101008_fsa02.jpgO sabão ecológico é produzido em aulas práticas conduzidas pelo próprio Gustavo Brandão, que é titular da disciplina Bioquímica, por meio da reação de saponificação, que consiste na mistura do óleo usado ao hidróxido de sódio, acrescido de uma essência. Em apenas 30 minutos os produtos ganham uma consistência cremosa, que após um período de 15 dias será sabão. "O processo é simples, mas requer cuidado porque trata-se de produto químico", adverte o professor.



fonte: http://portal.ftc.br/index.php?option=com_content&task=view&id=3178&Itemid=485



Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentável está disponível para consulta pública no MMA


Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis – PPCS

O Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis – PPCS se encontra disponível para consulta pública no período de 29 de setembro até 11 de novembro de 2010 no endereço www.mma.gov.br/ppcs.

O PPCS é a resposta do Governo Brasileiro aos compromissos assumidos no âmbito do Processo de Marrakech, que exorta os países participantes a elaborarem seu Plano Nacional de PCS.

O Plano está sendo elaborado no âmbito do Comitê Gestor Nacional de Produção e Consumo Sustentável (criado pela Portaria MMA 44/08), coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente, e conta com a participação de outras instituições dos setores público e privado e também da sociedade civil organizada.
A primeira versão do Plano foi disponibilizada no site do PNUMA, em maio de 2008, e consolidou os trabalhos desenvolvidos ao longo de um ano, iniciados ainda no âmbito Comitê Gestor de Produção Mais Limpa.

[Leia na íntegra]A segunda e atual versão do PPCS, está disponível para consulta pública até 11 de novembro de 2010, foi revisada pela equipe técnica do MMA após diversas reuniões e debates no âmbito do Comitê Gestor de Produção e Consumo Sustentáveis. Nesta revisão, na medida do possível, levou-se em conta as deliberações pertinentes, registradas em quatro Conferências Nacionais de Meio Ambiente, especialmente a terceira (2008) que versou sobre Mudanças Climáticas e na conferência especial de Saúde e Meio Ambiente (2009) que pela primeira vez reuniu três ministérios na sua organização – MCidades, MMA e Ministério da Saúde, onde vários dos temas tratados guardam estreita relação com os do Plano. As contribuições advindas da consulta pública, ora em curso, serão incorporadas à proposta de texto final do Plano, que por sua vez, antes de ser publicado, deverá ser validado pelo Comitê Gestor.

O objetivo geral do Plano é fomentar no Brasil um vigoroso e contínuo processo de ampliação de ações alinhadas ao conceito de PCS tal como estabelecido pelo Processo de Marrakech, compartilhando com os nossos parceiros nacionais e internacionais o esforço por promover também a sustentabilidade no plano global. Seu objetivo específico é fornecer as diretrizes básicas e eleger as prioridades para que um conjunto de ações cabíveis, articuladas entre si, possam efetivar mudanças expressivas e mensuráveis, tanto nos padrões de consumo como de produção, que possam ser reconhecidos como mais sustentáveis.

O Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentável (PPCS) vem também complementar o Plano Nacional sobre Mudança do Clima (PNMC), lançado em dezembro de 2008, como resposta do governo brasileiro ao Quarto Relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudança do Clima (IPCC), de 2007, que alertou a comunidade internacional sobre o papel das atividades econômicas no aquecimento global.

Enquanto o PNMC volta-se principalmente para as ações governamentais e do setor produtivo, com foco na redução das emissões de gases de efeito estufa, o PPCS enfatiza o papel do consumidor na demanda por produtos e serviços mais sustentáveis, bem como na responsabilidade individual e coletiva dos cidadãos brasileiros.

Fonte: MMA

11 de outubro de 2010

Patrimônio ambiental de Salvador em debate na FAUFBA

Copa do Mundo de 2014 fundamenta as discussões


Em face às comemorações do 51.º aniversário da Faculdade de Arquitetura da UFBA (FAUFBA), a Unidade promove neste mês de outubro o seminário "Patrimônio ambiental urbano de Salvador: desafios", que tem como objetivo discutir os projetos atuais para a nossa cidade vislumbrando a Copa do Mundo de 2014 no Brasil. Nesta sexta-feira (8) representantes da UFBA e da Conder debateram o “Projeto BRT (Bus Rapid Transit) de Salvador” e no dia 15 acontece a segunda sessão, quando às 10, no Auditório Mastaba será debatido o tema "Urbanismo demolidor em Salvador: Igreja da Sé, Teatro São João, Fonte Nova", após palestra do Prof. Fernando Peres, também à 10h. Os debatedores são a Profa. Odete Dourado, os arquitetos Carl Von Haueschild (IAB-BA), Carlos Amorim (IPHAN), Paulo Ormindo (IAB-BA) e o engenheiro Jonas Dantas (CREA-BA). A terceira sessão está programada para o dia 22, também no Mastaba e igualmente às 10h, com discussões sobre "As pontes de Salvador-Itaparica", com palestras iniciais dos professores Paulo Ormindo (UFBA - IAB/BA), Ângela Gordilho (UFBA) e José Nogueira (Unifacs). Os debatedores são os professores Ana Fernandes e Heliodório Sampaio, ambos da FAUFBA. A última sessão, sobre o "Projeto Orla de Salvador: barracas de praia, demolições e propostas", no dia 29, terá palestra do arquiteto Luiz Antônio de Souza e debate coordenado pelos arquitetos Carlos Brito (Seplam) e Carlos Amorim (IPHAN). Também às 10h, no Mastaba.

http://1.bp.blogspot.com/_c0HDM5i_YGk/TDD5xkNM5JI/AAAAAAAAADY/4zdj8d8C62M/s1600/PROGRAMA%C3%87%C3%83O.jpg


http://2.bp.blogspot.com/_c0HDM5i_YGk/TDD5xctG1-I/AAAAAAAAADQ/ehCgKJ2-Obc/s1600/MINICURSOS.jpg


http://4.bp.blogspot.com/_c0HDM5i_YGk/TDD5w3HiIYI/AAAAAAAAADI/RgqWYS-9zwU/s1600/PALESTRAS.jpg


[fsgfd.jpg]


http://3.bp.blogspot.com/_c0HDM5i_YGk/TDD5wjsqCdI/AAAAAAAAADA/PM88g4QK8vM/s1600/MESAS+REDONDAS.jpg

FACOM DEBATE BIODVERSIDADE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

CIENTISTAS, MOVIMENTOS SOCIAIS, JORNALISTAS E ESTUDANTES APROFUNDAM OLHAR SOBRE BIODIVERSIDADE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

No atual cenário de manifestações públicas massivas sobre a necessidade de mudança da pauta política ambiental brasileira, a coordenação do curso de Jornalismo Cientifico e Tecnológico da Facom - Faculdade de Comunicação da UFBA, contribui com o debate nacional, reunindo pesquisadores, movimentos sociais, jornalistas da mídia especializada e órgãos de pesquisa, no Seminário “Desenvolvimento Sustentável e Biodiversidade - Ciência, Tecnologia e Mídia”.

O seminário, patrocinado pela Fapesb, acontece entre os dias 21 e 22 de outubro, das 19 às 22 horas, no auditório da Faculdade de Comunicação, em Ondina, com programação rica, diversa e provocativa. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo email jorncientec@ gmail.com informando apenas o nome, RG, profissão e instituição. No local do evento também poderão ser feitas as inscrições entre18 às 19 horas, com direito a certificado de participação. O evento tem como parceiros a Fiocruz-Ba, a FTC-Salvador, a Pós Graduação em Cultura e Sociedade da UFBA, o Instituto de Saúde Coletiva da UFBA, a Associação Brasileira de Jornalismo Cientifico e a Faculdade de Comunicação da UFBA.

O evento pretende aprofundar, de forma crítica, transversal, detalhada, através da participação de especialistas renomados e experientes no tratamento e observação cotidianos, o que realmente é o Desenvolvimento Sustentável, tão difundido, marketeado, mas pouco entendido. Contribuem para o enriquecimento dos trabalhos nomes como a doutora em saúde pública, Cilene Victor, presidente da Associação Brasileira de Jornalismo Científico e diretora de redação da revista Comciência Ambiental; a jornalista Vanja Joice Bispo Santos, do Museu Paraense Emílio

Goeldi; a jornalista Maiza Andrade, editora de Meio Ambiente do Jornal do A Tarde;
o pesquisador Philip Martin Fearnside, do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA); a professora e pesquisadora Maria Rejane Lira do Instituto de Biologia da UFBA o engenheiro florestal, Luís Zarref Henrique Gomes Moura, representante de Movimentos Sociais.

Além dos debates haverá uma oficina e uma exposição fotojornalística sobre temas ambientais realizada pelo Movimentos AMA –Amigos do Meio Ambiente e da RAMA- Rede de Articulação e Mobilização em Comunicação Ambiental.

A coordenadora do curso de Jornalismo Cientifico e Tecnológico da FACOM, professora Simone Bortoliero, considera o evento uma rara oportunidade para se discutir o valor da informação científica e o papel do jornalista frente à necessidade de democratização e divulgação da informação como instrumento de poder político para as mudanças em pauta.

O evento foi concebido para favorecer a formação dos divulgadores científicos que se interessam por questões ambientais na Bahia e faz parte da programação oficial da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia que irá se realizar em todo o país entre os dias 18 a 22 de outubro.

Programação



Dia 21 de outubro

Palestras:
1) Biodiversidade e Mídia Especializada”

Cilene Victor, Presidente da Associação Brasileira de Jornalismo Cientifico e Diretora de Redação da Revista Comciência Ambiental. Doutora em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo e Mestre em Comunicação Cientifica pela UMESP-SP. A jornalista Cilene Victor tem sua atuação como pesquisadora no campo do Jornalismo Especializado (Jornalismo Científico e Ambiental), Divulgação Científica e Comunicação de Riscos Ambientais e Tecnológicos.

2) “Divulgação Científica em Instituições de Pesquisa – as pautas sobre biodiversidade na mídia brasileira”

Vanja Joice Bispo Santos, jornalista do Museu Paraense Emílio
Goeldi que é uma instituição de pesquisa vinculada ao Ministério da Ciência

e Tecnologia do Brasil. Desde sua fundação, em 1866, suas atividades concentram-se no estudo científico dos sistemas naturais e socioculturais da Amazônia, bem como na divulgação de conhecimentos e acervos relacionados à região.

3) A Contaminação por Chumbo na cidade de Santo Amaro-Bahia

Maiza Andrade, jornalista do A Tarde



Dia 22 de outubro

Palestras

1)“Aquecimento Global, Biodiversidade e Mídia”
Philip Martin Fearnside do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA). Seu trabalho está centrado nos problemas ambientais da Amazônia brasileira desde 1974. Realiza pesquisas ecológicas e estudos sobre os impactos e a perspectiva de diferentes modos de desenvolvimento na Amazônia, além das mudanças ambientais decorrentes do desmatamento da região. Segundo o Instituto de Informações Científicas (Thomson-ISI) o pesquisador é o segundo mais citado cientista no mundo na área de aquecimento global.

2)“Resgate e introdução de fauna silvestre: conceito, metodologias e problemas práticos”
Rejane Maria Lira da Silva , professora do Instituto de Biologia da UFBA,

Especialista em Venenos Animais pelo Instituto Butantan de São Paulo (1991), Mestrado em Saúde Pública pela Universidade Federal da Bahia (1996) e Doutorado em Ciências Médicas pela Universidade Estadual de Campinas (2001). Suas linhas de pesquisa se concentram em: répteis, aracnídeos, toxinologia, saúde ambiental, museus, história e ensino de ciências, educação científica e educação ambiental.

3) "A luta popular e a questão ambiental sob a análise da mídia".
Luís Zarref Henrique Gomes Moura, Engenheiro Florestal, Especialista em Agroecologia, militante do MST e da Via Campesina. Participante das últimas duas Conferências da Diversidade Biológica da ONU e da Conferência de Copenhagen sobre Mudanças Climáticas.

Atividades
1 - Exposição foto-jornalística “BIODIVERSIDADE EM FOCO - OLHAR TRANSVERSAL”
Realização: Movimento AMA - Amigos do Meio Ambiente
Data: 21 e 22 de outubro de 2010 ( o dia todo)
Local: FACOM- UFBA
Campus de Ondina, UFBA


2 - OFICINA JORNALISMO AMBIENTAL
- Jornalista Liliana Peixinho - Ativista Socioambiental
Fundadora da RAMA- Rede de Articulação, Mobilização e Comunicação
Ambiental .e do Movimento AMA- Amigos do Meio Ambiente
Contato – 71 – 9938- 0159 – 8759-5927 ( lilianapeixinho@ gmail.com)
Data: 22 de outubro de 2010
Horário: 14 às 17 horas
Local: Auditório da FACOM
Campus de Ondina , UFBA

Seguidores