26 de abril de 2012


DE SÃO PAULO

O solo marinho de Abrolhos parece estar coberto de pedregulhos, mas na verdade está coalhado de algas "duras", que lembram corais. São os chamados rodolitos -os quais, segundo uma nova pesquisa, ocupam uma área contínua de 21 mil km2, ou três Distritos Federais, no litoral do Brasil.

Trata-se da maior extensão dessas algas nos oceanos do planeta, conforme mostra o artigo científico na revista "PLoS ONE" coordenado por Rodrigo Moura, da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Os rodolitos ficam no Banco dos Abrolhos, que engloba o litoral sul da Bahia e o norte do Espírito Santo. São um habitat importante para peixes e invertebrados e produzem carbonato de cálcio, substância essencial para a vida marinha. O estudo teve apoio da ONG Conservação Internacional.

Rodrigo L. de Moura/Divulgação

Mergulhador trabalha em imenso campo de algas no arquipélago de Abrolhos

Endereço da página:
http://www1.folha.uol.com.br/ambiente/1081731-abrolhos-contem-a-maior-extensao-de-algas-duras-do-planeta-diz-estudo.shtml

--------------------------------------------------------------------------------
Copyright Folha.com. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicaçao, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha.com.

Seguidores