3 de fevereiro de 2014

Livro "Conservação da Natureza: e eu com isso?"

João Suassuna lança o livro "Conservação da Natureza: e eu com isso?"

João Suassuna lança o livro "Conservação da Natureza: e eu com isso?" no Fórum Interinstitucional de Desfesa da Bacia Hidrográfica do rio São Francisco em Pernambuco
Fórum BHSF realiza a 56ª reunião ordinária na Sudene, no Recife (PE).
http://forumbhsf.blogspot.com.br/


Em novembro de 2012, os membros do Fórum BHSF se reuniram no anfiteatro da Biblioteca Celso Furtado na Sudene. A reunião foi coordenada por Marcelo Teixeira (Codevasf) e estiveram presentes os representantes do Ministério Público de Pernambuco (Geraldo Margela Correia-MPPE), Fundarpe (Augusto Paashaus), Fundaj (João Suassuna), Apevisa (José Pereira de Souza)  DNOCS (Fernanda Cristina), Ibama (Clécio Ribeiro), Semas - Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Joana Aureliano) e CPRH-Agência Estadual de Meio Ambiente (João Moraes) e Codevasf (Marcelo Teixeira, Márcio Uchoa e Glaúcia Oliveira).


Conforme a pauta da reunião, a engenheira agrônoma da Codevasf/3ª SR, Gláucia Oliveira, fez uma apresentação sobre "As Ações Ambientais da Codevasf", fazendo um breve panorama das missões da empresa na área ambiental e situando as ações no estado de Pernambuco (licenças ambientais dos empreendimentos de irrigação, esgotamento sanitário, resíduos sólidos, abastecimento de água e cisternas). Em seguida o pesquisador João Suassuna (Fundaj) falou do livro "Conservação da Natureza. E eu com isso?". O livro da Fundação Brasil Cidadão, organizado pelo presidente da Rema (Rede Marinho-costeira e Hídrica do Brasil) , José Truda Palazzo Jr., critica fortemente a gestão ambiental do país. A obra, apoiada pela Fundação Avina, contém treze artigos que variam desde o questionamento da eficiência da gestão das Unidades de Conservação brasileiras a até mesmo a transposição do Rio São Francisco. João Suassuna que é o coordenador do Núcleo de Estudos e Articulação do Semiárido (Nessa), disse que a construção das represas das usinas geradoras do rio São Francisco diluiu a atividade pesqueira da região. De acordo com ele, “as espécies de piracema estão desaparecendo do rio devido à impossibilidade que têm os peixes de fazerem o seu trajeto natural de subida das corredeiras para a realização das desovas”. Em seguida Suassuna autografou e doou 10 exemplares aos participantes.

Clique para ler o livro:  Conservação da Natureza. E Eu com isso?




Seguidores