10 de outubro de 2012

Capes aprova Mestrado Profissional em Educação do Campo da UFRB
A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) divulgou no dia 03/10/12 os resultados da apreciação de propostas de cursos novos de 2012. Dentre os cursos aprovados está o Mestrado Profissional em Educação do Campo da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB). Este é o primeiro curso de mestrado que será oferecido no Centro de Formação de Professores (CFP), campus da UFRB em Amargosa.

A aprovação do curso vem ao encontro do envolvimento de pesquisares do CPF com a temática, procurando instaurar na região de localização deste Centro de Ensino e seu entorno o debate sobre a Educação do Campo mediante a realização de diversas atividades de ensino, pesquisa e extensão. O ponto de partida foi a criação da Especialização em Educação do Campo e Desenvolvimento Territorial do Semiárido Brasileiro, oferecida pela UFRB, e o curso de Licenciatura em Educação do Campo, oferecido pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) em parceria com UFRB.

A proposta do Mestrado Profissional em Educação do Campo foi apresentada à Capes e recomendada durante a 139ª Reunião do Conselho Técnico-Científico da Educação Superior (CTC-ES), realizada no período de 24 a 28 de setembro, em Brasília. “O curso tem por propósito intermediar o diálogo entre a diversidade camponesa e o fazer pedagógico, visando contribuir para que professores das redes públicas de ensino, gestores públicos e articuladores dos movimentos sociais do campo possam redimensionar suas leituras sobre a realidade agrária brasileira, redefinindo suas práticas pedagógicas e os modelos de gestão das escolas do campo”, diz o texto da proposta.

Com a aprovação pela Capes, o Mestrado Profissional em Educação do Campo iniciará suas atividades a partir do primeiro semestre de 2013.
 

Seguidores