13 de dezembro de 2011

Ibama devolve 231 aves a seu habitat no município de Queimadas/BA

O Centro de Triagem de Animais Silvestres Chico Mendes (Cetas) realizou, entre os dias 07 e 12 de novembro, a soltura de 231 aves na RPPN Morrinhos, localizada na fazenda Morrinhos, estrada Riacho da Onça, município de Queimadas, que soma um total de 726 hectares, sendo 192 pertencentes à RPPN.De acordo com o relatório técnico, “ao chegar à fazenda, as aves foram soltas no recinto de descanso e aclimatação (voadora) com o intuito de se ambientarem, recebendo alimentação adequada e vitaminas”.As aves foram reavaliadas, observando-se que um espécime de cardeal (Paroaria dominicana) não estava apto para a soltura, retornando assim ao Cetas. Houve óbito de um chorão (Sporophila leucoptera) e um papa-capim (Sporophila nigricollis).O local onde aconteceu a soltura é composto por cobertura vegetal nativa pertencente ao bioma da Caatinga, “com parte da área composta por pastagem suja”.Segundo informações dos técnicos, as aves que foram soltas eram provenientes das ações de fiscalização: “Após serem enviadas para o Cetas, foram avaliadas observando-se a sanidade e o estado asselvajado em que se encontravam, sendo posteriormente selecionadas para a soltura”.O procedimento para a soltura dos animais no local iniciou-se com a retirada da tela da “voadeira” para que as aves fossem saindo espontaneamente. A partir daí, os técnicos iniciaram um processo de monitoramento durante o qual “verificou-se que as aves forrageavam no local (alimento ofertado pela vegetação), formavam grupos (hábito de determinadas espécies) e buscavam abrigo seguro para o período noturno”.Complementando o trabalho de soltura das aves, foi realizado um trabalho de educação ambiental pelos analistas ambientais e estagiários que compuseram a equipe.Nesse trabalho, foram feitas palestras no Colégio Estadual Coronel Borges com as turmas do 1º ao 3º ano do ensino médio e no Colégio Municipal Domingos Badaró, nas turmas do 2º ao 8º ano do ensino fundamental, que funcionam no período diurno, assim como na classe de alfabetização de alunos adultos durante o período noturno.Foram abordados temas como a importância dos animais para o equilíbrio ambiental, o comércio ilegal de animais silvestres, a importância do Cetas, os riscos das zoonoses e o papel de cada cidadão para a conservação do meio ambiente.
Carlos GarciaIbama/BA

Seguidores